História . CMM
HISTÓRIA

2006 – A história do CMM inicia-se com a constituição da empresa CMM-Centro Médico da Murtosa em 2006, fruto da vontade dos seus fundadores em trazer a sua Paixão pela Medicina e Pelo Corpo Humano, para um concelho junto ao mar e à Ria da Murtosa.

Com a experiência dos seus fundadores adquirida ao longo de décadas noutros projetos, o CMM focou-se na formação contínua e especializada dos seus colaboradores, sendo que as exigências cada vez maiores que a gestão de uma organização deste nível e sector exige, obrigou a uma total reformulação das práticas clínicas e dos métodos de gestão. Esta é uma prática que hoje aprimoramos e mantemos.

O CMM iniciou a sua atividade, na Zona Industrial da Murtosa, em Maio de 2006 com 25 colaboradores (diretos e prestadores) e terminou o ano de 2006 com 34 elementos.

2009 - No final de 2009 o CMM, com apenas uma unidade conta com 11 colaboradores diretos e 31 indiretos, totalizando 42 elementos.

2010 - O CMM conta no final do ano com 47 colaboradores. Atinge a capacidade máxima admitida para um atendimento de nível elevado nas instalações iniciais, sendo que inicia o projeto de construção de uma unidade clínica de raiz, maior e mais próxima do centro do concelho da Murtosa.

2011 – Janeiro - O CMM desloca-se para novas instalações (com aproximadamente 800m2), onde passa a dispor de excelentes condições para o desenvolvimento da sua atividade e com ótimas potencialidades de expansão para outras valência clínicas. No mesmo ano o CMM iniciou o programa de crescimento, anexando a unidade privada de Medicina Física e de Reabilitação de Santarém, hoje conhecida por CMM-Centro Médico de Santarém. No final do ano 2011, o CMM conta com o empenho de 68 colaboradores.

2012 – O CMM cede à exploração a unidade de MFR do CMM-Centro Médico da Murtosa à empresa parceira JMSF, Lda, colmatando a lacuna de serviço de MFR convencionado com o SNS na região da Murtosa. No final do ano de 2012, inaugura (em sociedade) o CMV-Centro Médico de Viseu, hoje unidade de referência no Distrito de Viseu no sector da Reabilitação ambulatória multidisciplinar.
No final do ano de 2012, o CMM conta com mais de 100 colaboradores.

2013 – O CMM inaugura o CMM-Centro Clínico de Estarreja, criando o conceito de clínica personalizada dentro do grupo. No final deste ano, dado o crescimento orgânico de cada unidade clínica, o numero total de colaboradores CMM ultrapassa os 130.

2015 – O CMM adquire a Clínica de Reabilitação Atlântico, unidade referência na Reabilitação Ambulatória em Guimarães, especializada em Reabilitação Laboral, nomeadamente sinistrados de acidentes de trabalho, desportivos e viação. A otimização da gestão e complemento operacional realizado pelo CMM nesta unidade, torna-a cada vez mais eficiente, focando cada vez mais a personalização do cuidado de saúde.

Inovação: O CMM inicia ainda durante este ano parceria com a Universidade da Madeira, através da Madeira Interactive Techonologies Institute (http://www.m-iti.org/) e com a SWORDHEALTH (http://swordhealth.com/#/) como parceiro clínico para validações científicas de ultima geração no sector da Reabilitação/Fisioterapia. Ainda durante 2015, e com o apoio da Kaizen Institute, inicia um projeto piloto e inovador, para introduzir o Lean Management na unidade de Reabilitação/Fisioterapia do CMM-Centro Médico da Murtosa. Hoje devido ao sucesso da implementação, e depois de alargado a todas as unidades de MFR do grupo, é um dos pilares de sucesso e garantia de cuidados de Reabilitação de excelência ao nosso paciente.

No final do ano de 2015, o CMV-Centro Médico de Viseu, devido à procura emergente e contínua dos seus serviços, amplia as suas instalações de 700m2 para 1570 m2.
Estabelece parceria estratégica com o Grupo Lifefocus, especializado em Meios Complementares de Diagnóstico, especialmente na área da Gastroenterologia.
O CMM no final de 2015, conta com mais de 200 colaboradores.

2016 – O CMM, através da estrutura CMV, adquire a clinica de Reabilitação Dra. Maria Luiza Leão, Lda em Coimbra. Ainda este ano, através da unidade CMM-Guimarães e em parceria com a Cruz Vermelha Portuguesa (Delegação de Chaves) inaugura de raiz o CMM-Centro Clínico de Chaves, unidade multivalência, com foco na Reabilitação Física Ambulatória.
Em Abril de 2016, o CMM orgulha-se de inaugurar duas unidades clínicas novas: CMM-Centro Médico de Santarém (mudança de instalações para mais de 1000m2), e em Aveiro inaugura o CMM-Centro Médico de Aveiro, unidade state-of-the-art e ex-líbris do Grupo, onde conta com mais de 1450m2 de área útil dedicada aos cuidados de saúde ambulatórios com uma das maiores unidades de Fisioterapia/Reabilitação ambulatórias do país, onde todas as inovações do Grupo são testadas, seja de equipamentos, processos, novos programas e guidelines terapêuticos.
O CMM conta nesta altura com mais de 300 colaboradores.